Atlético empata com Fluminense em casa e pode perder liderança do Brasileirão

Em jogo animado, Galo sofre no primeiro tempo e fica no 1x1 contra o Flu

Bruno Davi Bueno

O Atlético empatou pela primeira vez no Campeonato Brasileiro. Jogando na noite da última quarta-feira, 14, no Mineirão, o Galo não repetiu a boa atuação que teve contra o Goiás na última rodada e acabou ficando em igualdade de 1x1 contra o Fluminense. A equipe carioca saiu na frente com um golaço de Caio Paulista, enquanto Guilherme Arana anotou para o Atlético.

Um primeiro tempo irreconhecível

O Galo não fez um primeiro tempo digno de líder do Brasileirão. Surpreendido pela organização tática da equipe comandada pelo técnico Odair Hellmann, o Atlético se acuou em campo e viu o Fluminense ditar as principais ações da partida na primeira etapa. A grande surpresa veio logo aos 2 minutos de jogo, quando o atacante do Fluminense, Pacheco, sentiu dores na coxa e não conseguiu continuar em campo, dando lugar, assim, ao substituto Caio Paulista. O jovem atacante teve estrela. Caio recebeu um passe de Luis Henrique, na entrada da meia-lua, dominou com estilo levantando a bola para o ar e fuzilou com força na perna-esquerda. Um pombo sem asa indefensável para Éverson. Fluminense 1x0. 

Nesse momento da partida, o Fluminense era bem superior. Pouco antes do 1x0, já tinha mandado uma bola pra rede com Felippe Cardoso, mas o árbitro, corretamente, assinalou impedimento na jogada. A equipe carioca ainda teve chances com Dodi, Igor Julião e Egídio, em finalizações de longa distância, mas foi só. 1x0 para o Flu em um dos piores 45 minutos jogados pela equipe do Galo, comandada por Jorge Sampaoli.

Da água pro vinho

O segundo tempo foi completamente diferente. Com a entrada de Marrony no lugar do atacante Savinho, o Galo voltou a jogar o futebol de líder da competição. Logo no primeiro minuto, finalização de Nathan para a defesa de Muriel. Com muita pressão na marcação e chegadas constantes na área do Fluminense, o gol parecia questão de tempo, e ele saiu. Aos 6 minutos da segunda etapa, após jogada de Eduardo Sasha na ponta-direita, Jair fez um lindo corta-luz e deixou para Marrony escorar para Guilherme Arana finalizar com maestria no canto esquerdo de Muriel. Um lindo gol com a cara do Galo de Sampaoli. Jogo empatado em 1x1.

A mudança da água pro vinho animou os torcedores atleticanos que criaram expectativas para uma possível virada. A partir desse momento, brilhou a estrela do goleiro do Fluminense, Muriel, que foi decisivo para a manutenção do placar. Logo após o gol de empate do Galo, foram 3 tentativas, conduzidas por Marrony, Keno e Sasha respectivamente, que pararam no arqueiro. Guilherme Arana, Keno novamente e Nathan também tentaram, mas o goleiro Muriel estava realmente inspirado.

Faltou sorte para o Galo. A pressão foi como a de todos os outros jogos em que o Atlético venceu no Mineirão, mas, desta vez, faltou um detalhe para desempatar a partida. 1x1 com o Fluminense, quebrando a sequência de 7 vitórias consecutivas jogando no Gigante da Pampulha. 

Liderança ameaçada

Com o resultado, o Galo continua na liderança da competição, agora com 31 pontos. Apesar de ter a mesma pontuação do Internacional, que venceu o Sport Recife por 5x3 na Ilha do Retiro, o Atlético leva vantagem por ter uma vitória a mais do que os colorados.

Contudo, o clube mineiro pode perder a liderança do campeonato nessa quinta, 15. Para isso, o Flamengo, que tem 30 pontos na competição, terá de vencer o RB Bragantino, em jogo disputado às 20h no Maracanã.

Vale lembrar que o Galo tem um jogo atrasado da 6º rodada, contra o Athletico-PR, a ser disputado em data indefinida.

Viagem a Salvador no próximo desafio

Para tentar se recuperar do primeiro empate sofrido na competição, o Galo viajará até Salvador onde joga, na próxima segunda, 19, contra o Bahia, ate então 17º colocado da Série A. O jogo está marcado para às 20h, no estádio Pituaçu.

Comentários
×