Astrologia e vocação (3)

Elismar Alves

 

Continuando a apresentação iniciada em artigos anteriores, onde apresentei a Astrologia como indicador vocacional. Este levantamento foi baseado na obra do professor Michel Echenique Isasa,“Filosofia das Artes Marciais”, no tema sobre “Como reconhecer a nossa Vocação”.

“ESCORPIÃO- O nativo deste signo tem fortes manifestações de Plutão, o que faz associar-se à profundidade das experiências e, ao mesmo tempo, a uma emoção muito forte, respondendo aos sentidos tanto de prazer quanto de dor. Há também algo de cientista e de ocultista no escorpião, que penetra nas profundezas da natureza para dela extirpar todos os segredos, por mais perigosos que sejam. A Divindade de Plutão era protetora dos mundos infernais e das experiências íntimas e intensas. O Escorpiano poderá estar ligado à pesquisa, à mineração, às carreiras policiais ou relacionadas à aplicação em bolsa de valores, a atividades relacionadas com armas e munição de fogo.

 SAGITÁRIO- Ligado ao planeta Júpiter, Deus da sabedoria, do poder e da filosofia. O sagitariano está sempre em busca de uma vivência que o expanda, o faça ir além dos seus limites. Tem uma verdadeira nobreza de caráter, que se manifesta na benevolência e na moderação. Aprecia viagens e novos lugares além de novas culturas ou línguas. Procura desfrutar a vida sob todas as formas, aproveita a boa mesa e um saudável debate sobre temas filosóficos, religiosos e políticos ou, simplesmente, um relato de uma ótima aventura. Procura a convivência urbana com uma disposição positiva e vitoriosa. Tem facilidade com línguas estrangeiras, por isso o trabalho como agente de viagens lhe é indicado. Mestre na transmissão da sabedoria é apto ser um professor e educador. Defensor da justiça e muito envolvido com as leis, sente-se compelido ao direito.

CAPRICÓRNIO- É fortemente influenciado pela poderosa expressão e limitação do Saturno. O nativo deste signo, normalmente, encontra-se na defensiva. É ambicioso, mas evita mostrar essa característica, mostrando mais o lado frio e objetivo da vida. Regido pelo Deus do Tempo este signo está ligado à maturidade, às estruturas e construções por isto, poderão ser engenheiros e construtores. O nativo busca posições sociais de destaque ou socialmente aceitas e respeitadas. Daí sua forte relação com carreiras em empresas que prometem ascensão profissional e cargos de poder. Procura os desafios mais difíceis de superar e assume uma postura pessimista com a vida. “Também se relaciona com a odontologia”.

www.novaacropole.org.br 

Comentários
×