Com tornozeleiras eletrônicas, suspeitos de crime na região metropolitana de BH são presos em Cajuru após roubo de 40 celulares

Mais de 40 aparelhos celulares e um arma de fogo foram apreendidas

Da Redação

Dois homens, de 23 e 30 anos, da Região Metropolitana de Belo Horizonte, foram presos na manhã desta terça-feira, 4, em Carmo do Cajuru. Eles são suspeitos de roubar uma loja de celulares no centro de Cajuru. Os suspeitos, ambos com tornozeleiras eletrônicas, foram localizados e detidos em Itaúna. Segundo a PM, todo o material levado no roubo foi recuperado e a arma de fogo utilizada no crime foi apreendida.

Com um revólver, os criminosos levaram mais de 40 aparelhos e fugiram em uma motocicleta. Após as vítimas acionarem a Polícia, uma operação de cerco e bloqueio na tentativa de localizar e prender os suspeitos iniciou-se.

— As guarnições do turno foram mobilizadas no intuito de realizar o cerco nas principais vias que os autores poderiam utilizar, inclusive com o reforço das Patrulhas Rurais cobrindo as estradas vicinais. Os homens foram então visualizados durante a fuga na avenida Chico Morais, estrada que liga Itaúna a diversas comunidades rurais e à cidade de Carmo do Cajuru. Após intenso rastreamento, a equipe da Patrulha Rural de Itaúna obteve êxito em interceptá-los e cessar a ação criminosa — informou a PM.

Os suspeitos foram abordados e, com eles, os agentes encontraram duas mochilas com os celulares roubados e a arma de fogo utilizada no crime.

Todo o material foi apreendido e encaminhado à delegacia, juntamente com os indivíduos presos. De acordo com a PM, eles possuem registros de prisões anteriores em Belo Horizonte por roubo e tráfico de drogas.

Comentários
×