Após quatro vereadores testarem positivo para covid-19, Câmara avalia reuniões remotas

Da Redação

Após os vereadores Israel da Farmácia (PDT) e Hilton de Aguiar (MDB) testarem positivo para covid-19, conforme reportado pelo Agora na manhã desta sexta-feira, 30, a Câmara, que agora contabiliza quatro parlamentes contaminados, emitiu uma nota destacando que acompanha os casos e estuda a possibilidade de reuniões remotas. Josafá Anderson (CDN) havia testado positivo para a doença e já cumpriu o período de isolamento. Já  Ademir Silva (MDB) ainda permanece em isolamento domiciliar. 

O secretário de Saúde, Alan Rodrigo, será consultado sobre a adoção de protocolos adicionais de prevenção ao vírus.

Confira a nota na íntegra:

Em virtude dos últimos acontecimentos, a Câmara Municipal de Divinópolis, através de sua Mesa Diretora, faz questão de ressaltar que tem acompanhado e dando o devido suporte aos vereadores e servidores da Casa que testaram positivo para a Covid-19.

Desde o início da nova gestão da Mesa Diretora, medidas que buscam barrar o ritmo de contágio têm sido tomadas no interior da Câmara. Quinzenalmente, em parceria com a Vigilância Sanitária e a Prefeitura Municipal, é realizado o processo de sanitização de todos os setores da Casa Legislativa, incluindo o Anexo, localizado no segundo andar do Edifício Costa Rangel. Além disso, recentemente foram comprados totens de álcool gel, distribuídos em pontos estratégicos e de fácil acesso em todas as dependências da Câmara.

Após o avanço da micro e microrregiões para a Onda Vermelha do programa Minas Consciente, a Mesa Diretora optou por, num período de testes, abrir a Câmara entre 8h e 18h, intercalando os horários cumpridos pelos assessores parlamentares - dois por gabinete em dois turnos de trabalho - com o objetivo de dar maior espaçamento aos atendimentos, evitando assim aglomerações em seu interior, sem deixar a população desassistida.

A Mesa Diretora estuda ainda a possibilidade da realização de Reuniões Ordinárias remotas, ação que está em estudo quanto à legalidade das votações de forma online. Os vereadores já estão em processo de realização do certificado digital, documento que viabiliza a votação de projetos sem a necessidade da presença em plenário.

Será realizada uma reunião online entre o presidente da Câmara Municipal, vereador Eduardo Print Júnior, e o secretário Municipal de Saúde, Alan Rodrigo, para discutir a adoção de protocolos especiais na Casa Legislativa em virtude do aumento do casos nos últimos dias.

Vale ressaltar que a Câmara Municipal possui forte posicionamento contra as fake news sobre a pandemia, realizando uma força-tarefa para levar à população as informações corretas em relação a vacinação, protocolos de saúde e distanciamento social.

Comentários
×