Agenda cultural da Cemig encerra janeiro com festival de música no modelo Drive-in, webséries, filme e música negra

Da Redação

A programação do #EnergiadaCultura desta semana apresenta quatro casos emblemáticos de projetos e grupos que, com o patrocínio da Cemig, conseguiram transformar seus projetos, pensados inicialmente para acontecer de forma presencial, e que, devido à pandemia, tiveram que sofrer transformações. Esses projetos refletem a preocupação da Cemig, maior apoiadora da cultura em Minas Gerais, em incentivar iniciativas que destacam a variedade e a qualidade da cultura produzida no estado e que alcancem o maior número de mineiros

As atrações estão disponíveis gratuitamente em plataformas digitais e podem ser vistas na página da Cemig no Facebook https://www.facebook.com/events/776382203226478/

Conheça a programação:

Teatro em Movimento
O já tradicional Festival, em sua 19ª edição, oportunizou intensa investigação da linguagem teatral, criando uma plataforma EAD para a realização de curso livre de Teatro Digital, onde a abordagem da linguagem teatral online, de técnicas e do uso das ferramentas de produção digital puderam instrumentar a cadeia produtiva a lidar com a nova demanda de oferta produzida/transmitida online. Além disso, promoveu a criação de Espetáculos online, e a Websérie Quarentemas, dirigida por conceituados diretores. Todo o conteúdo foi ofertado de forma gratuita. Esta ação, em conjunto com o caráter digital da edição, promoveu uma ampliação do acesso aos interessados.

Ummagumma
O Ummagumma Classic Rock Festival, em sua 4ª edição, realizado em Três Pontas, já integra o calendário de eventos do Sul de Minas. Diante da dificuldade em viabilizar a realização do Festival - que envolve a comunidade local e adjacências e emprega dezenas de profissionais da cadeia cultural – da forma tradicional, apostaram na possibilidade de oferecer ao público a experiência do Drive In – modelo revisitado de fruição do espetáculo. Puderam, dessa forma, proporcionar aos participantes uma maneira diferente de aproveitar o Festival, experiência que sem dúvida marcou quem esteve presente e fez desta uma edição histórica do Ummagumma Classic Rock Festival.

Giramundo
Originalmente concebido como circulação pelo interior do estado com o espetáculo “O Pirotécnico Zacarias”, o Giramundo teve suas atividades interrompidas abruptamente por causa das medidas de isolamento impostas pela pandemia. O projeto foi então transformado em audiovisual, mediante a realização de um filme que abraça as demais linguagens utilizadas pelo grupo, como o teatro de bonecos e a animação. Em torno deste projeto o grupo reconstruiu sua equipe, reativou sua rotina de trabalho e viabilizou o funcionamento sua sede, localizada no bairro Floresta, em Belo Horizonte.

Mostra IMuNe
A Mostra reúne nomes exponenciais da música negra produzida no estado de Minas Gerais junto a artistas de renome nacional. Em 2020, aproveitando o momento de visibilidade gerado pela Mostra – que aconteceu de forma virtual, o Coletivo ImuNe promoveu a Campanha IMuNidade Sonora, resultando na distribuição de bolsas para produção artística a 17 artistas, e no convite a 5 outros artistas para se apresentarem na primeira Live do Festival, o Rolezinho Virtual.

*Todas as atrações culturais foram gravadas antes do período da pandemia ou estão seguindo as orientações da OMS.

Comentários
×