ADL com novos imortais

Com a vacância de algumas das 40 cadeiras da Academia Divinopolitana de Letras (ADL), foram abertos editais para o pleito. Aristides Salgado e Cláudio Guadalupe se tornam novos imortais.

ADL com novos imortais 

 

Com a vacância de algumas das 40 cadeiras da Academia Divinopolitana de Letras (ADL), foram abertos editais para o pleito. Aristides Salgado e Cláudio Guadalupe se tornam novos imortais. 

 

O ex-prefeito de Divinópolis Aristides Salgado dos Santos foi eleito pelos membros da ADL para ocupar a cadeira de número 1, que tem como patrono Thomaz Antônio Gonzaga fundador da cadeira: Jadir Vilela de Souza; e ocupante anterior: Renato Diniz Santos. Foram avaliados os trabalhos literários do ex-prefeito, inclusive um livro de poesias que foi impresso mas ainda não foi lançado em virtude da pandemia, o que deve acontecer ainda neste segundo semestre. Aristides concorreu com a candidatura de Cassiano Carlos Antônio de Oliveira, psicólogo, que teve seu trabalho também aprovado de forma positiva pelos acadêmicos, no entanto, por meio de votação secreta, os membros da ADL escolheram, em sua maioria, o trabalho literário e poético de Aristides Salgado dos Santos.

O presidente da Academia, Flávio Ramos, destacou a importância da escolha, ressaltando que “Aristides Salgado sempre foi reconhecido por sua veia artística através do seu traçado original e modernista como arquiteto, sendo que agora a diferença é que sua sensibilidade e sentimento foram expressos em palavras o que confirma a sua versatilidade genial”. A acadêmica Maria Imaculada expressou o seu contentamento com a eleição de Aristides Salgado para a Academia de Letras, lembrando que trabalhou com Aristides Salgado na Prefeitura como servidora municipal e que ver a excelente produção literária e poética do ex-prefeito e arquiteto não a surpreendeu porque “ele sempre foi uma pessoa muito criativa, sonhadora e sensível, que são prerrogativas que todo bom escritor e poeta tem que ter”, disse. 

A posse do novo imortal divinopolitano será agendada pela Academia de Letras. Flávio Ramos acredita que dentro de 90 dias a posse seja agendada, muito possivelmente coincidindo com as comemorações de 60 anos de fundação da ADL.

 

O poeta Cláudio Guadalupe foi eleito para a cadeira de número 2 e na próxima edição falaremos mais sobre ele.



Agenda da Biblioteca Ataliba Lago

 

Confraria Cultural Brasil-Portugal

“O mar na Literatura portuguesa”

Sob a coordenação da escritora Maria de Fátima Batista Quadros.

Dia: 14 de setembro, terça-feira, às 19h. 

Local: Sala de Multimeios Adélia Prado.

 

NOITE DA POESIA – Aniversário de 33 anos.

Participação musical: ESFERA DO SER – Ailton Costa e amigos.

Dia: 16 de setembro, quinta-feira, às 19h30. 

Local: Sala de Multimeios Adélia Prado.





Livro da Semana

“Fernão Capelo Gaivota” 

O autor usa uma gaivota como personagem principal. Um pássaro que, diferente dos outros de sua espécie, não se preocupa apenas em conseguir comida. Este está preocupado com a beleza de seu próprio voo, em aperfeiçoar sua técnica e executar o mais belo dos voos. Uma metáfora sobre acreditar nos próprios sonhos e buscar o que se quer, mesmo quando tudo parece conspirar contra isso. Os trabalhos visionários de Richard Bach estabeleceram uma nova perspectiva na divisão tradicional de mente, matéria e espírito, despertando inúmeros indivíduos para a alegria que existe em nós mesmos ‒ no mundo e no que quer que se esconda além disso tudo. “Fernão Capelo Gaivota” é um convite a descobrir este universo de possibilidades incríveis. Um livro para as pessoas que inventaram as suas próprias leis quando sabem ter razão, que acreditam na justiça e num mundo melhor. Para os que gostam de ver as coisas bem feitas pelo simples prazer de fazer o correto. Uma oferta de Richard Bach aos que creem que a vida é mais do que os olhos conseguem enxergar. Um convite para um voo além dos limites do tempo e espaço.

 

Tem pauta para sobre a cultura? Envie para welbertonha@gmail.com

Welber Tonhá e Silva 

Historiador, escritor, pesquisador, fotógrafo e fazedor cultural.

Instagram: @welbertonha

 

Comentários
×