Acidentes de trânsito diminuem na avenida 7 de Setembro em Divinópolis

Da Redação

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Settrans) divulgou nesta quarta-feira, 13, os resultados da mudança de sentido e das alterações de trânsito na avenida 7 de Setembro, na área central de Divinópolis.

Conforme os dados da secretaria, a redução de acidentes foi de 61,03%, em um ano.  

— A segurança dos pedestres aumentou consideravelmente, devido às mudanças realizadas. Os congestionamentos em horários de picos foram sanados, e o sincronismo do semáforo ficou mais eficiente. As dificuldades encontradas à porta das escolas nos horários de início e término reduziram-se consideravelmente — afirmou o gerente de Trânsito da Settrans, Lucas Lopes.

Conforme as estatísticas da Settrans, o volume de acidades caiu em 2018, quando confrontado com 2017.

— O mais importante é que o número de acidentes caiu: em 2017, tivemos 77 acidentes no trecho, e, em 2018, foram registrados 30 acidentes, uma redução de 61,03% no número de acidentes registrados — disse o gerente de Trânsito.

O número de pessoas envolvidas nos acidentes também diminuiu.  Em 2017, foram 19 vítimas, e, em 2018, a quantidade caiu para 14.

Ainda de acordo com as estatísticas da Settrans, das 17 às 19h, em 2017, foram registrados 25 acidentes, e, em 2018, no mesmo período, foram registrados oito acidentes.

Projeto

Além da mão única, também foi implantado projeto piloto da área de pedestres na avenida 7 de Setembro, o que contribuiu para queda no número de acidentes, segundo a Prefeitura.

A intervenção na 7 de Setembro foi realizada em dois pontos: no cruzamento com a Serra do Cristal e também na esquina da Rio de Janeiro.

— O alargamento das calçadas com pintura no asfalto reorganiza o espaço público e diminui consideravelmente o conflito entre veículos e pedestres. Além da pintura, foi implantado o alargamento feito com pintura, balizadores, tachões e faixa de pedestres. Na 7 de Setembro, esquina com a Rua Rio de Janeiro, foram concluídas melhorias no passeio — informou a Prefeitura.

Comentários
×