Acccom completa 23 anos com 25 mil atendimentos

 

Da Redação 

 A Associação de Combate ao Câncer do Centro-Oeste de Minas (Acccom) completa hoje 23 anos de atividades ininterruptas em Divinópolis.

A associação, fundada em 21 de março de 1995, foi idealizada pelo médico oncologista Roney Quirino e teve fundadores como o Rotary Clube, a maçonaria e o Lions.
Programação

 Como parte das comemorações dos 23 anos da instituição, na última segunda-feira, 19, a Acccom recebeu equipamentos de videolaparoscopia. Os dispositivos foram adquiridos por meio de uma campanha junto a doadores.

Ontem, ocorreu a 25ª Oficina de Automaquiagem para Pacientes “De bem com você, a beleza contra o câncer”. Para a noite de hoje, está marcada uma festividade na Casa de Apoio. O evento é restrito, devido ao espaço, aos pacientes da casa, acompanhantes e convidados. Está prevista apresentação do Coral Uirapuru Canto Livre, coordenado e regido pelo maestro Gê Lara e produzido por Roberta Machado.

Ainda hoje, começarão, na unidade, os atendimentos de psiquiatria com o médico Fabrício Santiago.

– Enfrentar o câncer não é nada fácil. Nesse processo, diversas reações emocionais podem ser desencadeadas. É importante reconhecê-las para compreender o estado psíquico do paciente. A psiquiatria terá um papel importante neste aspecto e ajudará a minimizar a angústia causada pela doença e melhorar a qualidade de vida – disse o médico.

 Atendimento 

De acordo com a Acccom, atualmente, a entidade atende a pacientes de 86 cidades do Centro-Oeste Mineiro, Alto São Francisco e parte do Sudoeste do estado.

Em 23 anos, a instituição construiu e oferece gratuitamente para a população o Hospital do Câncer, com 5.000 metros quadrados, a Casa de Acolhimento aos pacientes, o Centro Administrativo e também o Centro Oncológico. Ao longo de sua história, a Acccom promoveu, para mais de 25 mil pessoas, assistência multidisciplinar em enfermagem, odontologia, fisioterapia, psicologia, farmácia, nutrição, assistência social e transporte de pacientes.

A instituição também prestou assistência médica nas especialidades de oncologia clínica, onco-hematologia, radioterapia, mastologia, cabeça e pescoço, oncologia geral, plástica, ortopedia, ginecologia, urologia, dermatologia, paliativa, torácica e neurologia, além do acesso a exames como cistoscopia, colonoscopia, tomografia e mamografia.

A Acccom é a mantenedora financeira e técnica do Hospital do Câncer do Centro-Oeste de Minas. A instituição oferece cirurgias oncológicas, quimioterapia, farmácia, 32 leitos para internação, além de atendimentos nas áreas de hematologia, nutrição e psicologia. O setor de radioterapia do hospital conta com dois aparelhos, acelerador linear, três radioterapeutas e dois físicos médicos.

 

Comentários
×