Ação de impugnação da chapa de Fabiano Tolentino é protocolada na Justiça Eleitoral

Pedido foi realizado pelo MP Eleitoral, que alega descumprimento da regra de desincompatibilização

Paulo Vitor Souza

O Ministério Público Eleitoral propôs à Justiça a impugnação da chapa de Fabiano Tolentino (CDN), que concorre à Prefeitura de Divinópolis ao lado de Jaime Martins (DEM). Na ação, os promotores alegam que houve descumprimento da regra de desincompatibilização, que é obrigatória a candidatos que exerçam cargos públicos.

O texto sustenta que embora Tolentino tenha cumprido a determinação, ele continuou exercendo atividade de assessoria do deputado estadual Gustavo Mitre (PHS). O documento também cita publicações nas redes sociais do candidato, que sustentariam a hipótese de que ele não se afastou integralmente de suas funções no gabinete do deputado.

Diz o pedido: 

— "In casu", mesmo tendo sido formalmente exonerado, o impugnado não se afastou de suas funções, haja vista que continuou assessorando o Deputado Gustavo Mitre na região, inclusive representando-o em reuniões com autoridades da região. O próprio impugnado, em suas redes sociais (FACEBOOK e INSTAGRAM) admitiu que continuou assessorando o mencionado parlamemtar, conforme postagens a seguir.

Tolentino

Segundo o candidato, a denúncia é infundada. Ele argumentou que nos eventos em que esteve presente, não representava o deputado  Mitre. Fabiano alegou que os eventos aconteceram em outros municípios, o que não afetaria a disputa em Divinópolis. Em nota, Tolentino disse que campanhas municipais estão cheias de fake news e maldade. 

Leia a nota: 

Provavelmente por uma denúncia anônima, o MP encaminhou a justiça eleitoral, um pedido de impugnação do meu registro, alegando falta de desincompatibilização.
A finalidade da desincompatibilização é evitar que um candidato faça uso de um cargo ou função em prol de sua candidatura, na Cidade onde está concorrendo ao pleito.
Neste sentido estou sendo questionado, por ter feito duas visitas informais no mesmo dia, aos Prefeitos das Cidades de Cláudio e Carmo da Mata, cidades distintas a qual sou candidato a Prefeito, em período que estaria desincompatibilizado do cargo de assessor.
Cumpre ressaltar que sou candidato na cidade de Divinópolis tendo me desincompatibilizado do cargo de assessor em 14 de agosto de 2020, dentro do prazo legal.
Ademais foi Deputado Estadual e Deputado Federal, possuindo assim um apreço político pelas cidades do centro oeste.
Infelizmente campanhas Municipais sempre tem suas maldades e denúncias infundadas por parte dos adversários, mas neste caso apenas fiz uma visita aos Prefeitos, o que não implicaria nenhuma punição, pois não sou candidato naquelas cidades. Neste sentido há vários julgados o que nos deixa tranquilos. Nossos advogados já estão cuidando do caso. “Percebemos que esta campanha está a mais maldosa, muito denuncismo e fake News, a internet virou uma terra de ninguém e a TODOS os momentos, enfrentamos ataques desleais. Mas vamos SUPERAR e mudaremos a história da nossa Cidade. Estou a cada dia mais confiante na nossa VITÓRIA, mudança com responsabilidade.”

Comentários
×