A cadeira mal esfriou...

José Alonso mal deixou a cadeira de secretário de Desenvolvimento Econômico para assumir o cargo de assessor Especial de Governo, e um Grupo Gestor foi apresentado, com o intuito de fomentar o desenvolvimento econômico na cidade. Coincidência? O Grupo é formado por 17 entidades representativas da classe empresarial, e diz que, além de tornar Divinópolis mais atrativa para novas empresas, quer fortalecer as existentes. Como já adiantado pelo Agora, na edição de ontem, 16, uma grande empresa da cidade está de olho em Carmo do Cajuru ou São Sebastião do Oeste. Mas, a intenção não é expandir, e sim mudar para os municípios, que são milhares de vezes menores do que a “Princesinha do Oeste”. É, parece que Divinópolis vai precisar mesmo de uma ajudinha da iniciativa privada.

A função que lhe cabia...

José Alonso deixou a pasta, mas é inegável que ele exerceu com maestria a função que lhe cabia. Em nota, a Prefeitura informou que foi ele quem alinhavou a redenção do aeroporto local, conseguiu concluir a negociação para a implementação do novo distrito industrial em Divinópolis, participou dos ajustes ao projeto de duplicação da MG-050 no anel rodoviário da cidade, incrementou as perspectivas turísticas para o município com a realização de seminários que irão nortear o segmento, e teve atuação decisiva na garantia de investimentos federais no projeto Cruz de Todos os Povos. Que ele tenha este entusiasmo para exercer a função que lhe cabe no cargo de assessor Especial, assim como teve à frente do Estrela do Oeste Clube e da Honda.

Por falar em Prefeitura...

Por falar em Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, em assessoria especial de governo, o prefeito Galileu Machado (MDB) entregou nesta segunda-feira, 15, sua defesa à Comissão Processante, que analisará se dará prosseguimento ao pedido de impeachment ou não. A Comissão, formada pelos vereadores Eduardo Print Júnior (SD), Renato Ferreira (PSDB) e Roger Viegas (Pros), terá até o fim da semana para emitir o parecer. Depois, começa o rito processual, tipo “bota casaco, tira casaco”, que vira novela em Divinópolis, e motivo para palanque eleitoral de vereador (na verdade tudo é motivo para palanque eleitoral aqui). Todos estão curiosíssimos para conhecer o parecer da Comissão, é fato, mas ainda mais curiosos para ver a reação dos opositores de Galileu. Pega a pipoca, porque essa novela está só começando.

Voltando ao Desenvolvimento Econômico...

Parece que a Azul vai voltar a decolar em Divinópolis. Antes de sua exoneração do cargo de secretário de Desenvolvimento Econômico ser publicada no Diário Oficial, José Alonso anunciou que a Azul deve voltar a operar na cidade no próximo mês, ainda sem data definida. As propostas de aumento de voos são muitas, e beneficiarão a classe média/alta divinopolitana, sem sombra de dúvidas. Seja bem-vinda de volta, Azul, que Divinópolis alce novos voos com você. Estamos precisando.

Quem assume?

Além dos mistérios “E o Gaeco vem ou não vem?” e “Qual o parecer da Comissão Processante?”, a grande curiosidade agora é sobre quem assumirá uma das principais pastas da Prefeitura de Divinópolis. Quem será o novo secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo? Em pouco mais de dois anos de governo, Galileu já teve cinco baixas em sua administração (Saúde, Cultura, Meio Ambiente, Trânsito e Transportes, e Assessoria Especial), e há de se convir que “o time substituto” funcionou melhor que o titular.

Comentários
×