“Velho Chico” Causos e Lendas do rio tem música e história

Jorge Guimarães

O Teatro Gravatá recebe na próxima terça-feira, 25, o Espetáculo "Velho Chico - Causos e Lendas do Rio", que através de atos cênicos, musicais, corpo de baile e histórias, conta um pouco da trajetória do rio São Francisco.

É um convite para todos os espectadores mergulharem nas águas onde se lamentavam as lavadeiras, onde os pescadores sentiam seus medos e também histórias de assombração e lembranças de sofrimentos e angústias, marcados ao longo do rio.

Diretor

Thallys Fabian é um artista divinopolitano, de 19 anos, que desde muito cedo se apaixonou pelas artes, em especial o teatro. Foi integrante do projeto "Fazendo Arte" durante muitos anos e foi lá que descobriu suas habilidades para a dança, artes plásticas e teatro. Atualmente é parceiro da Casa Arte e Cultura, na qual criou e dirige o grupo Atuar e Expressar. Apesar da pouca idade, o artista é idealizador, diretor e produtor desta linda e emocionante história.

Grupo

No início de 2017 foi criado o grupo "Atuar e Expressar" com intuito de reunir adolescentes e jovens para fazer teatro. Desde sua criação, os ensaios acontecem na Casa Arte e Cultura, sempre aos sábados. Velho Chico é o segundo espetáculo que os jovens atores participam.

Convidados

Além do grupo "Atuar e Expressar" farão parte do espetáculo o grupo Trem da História, Gê Lara e Voz 4, Thainá Luiza com o Jazz, Guilherme Pugas e alunos de violão, Cegec e Lula Violeiro.

Convites

Os ingressos podem ser adquiridos na Casa Arte e Cultura. Para mais informações: 3222-66677.

Comentários
×