‘Queima do Alho’ abre a ‘Expô Cajuru’

Administração sonha em ver cidade reconhecida como “Gramado mineiro”

 

 

Jorge Guimarães

A “Queima do Alho” foi antecipada este ano em uma semana. Será no sábado anterior à “Expô Cajuru”, dia 5. Toda a verba arrecadada com os convites deverá ser revertida a entidades filantrópicas.

As casas beneficiadas com a renda da festa serão a Vila Vicentina, Lar dos Pequeninos, Creche Divino Espírito Santo, Casa do Menor Dona Hortência, Creche Cordeiro de Deus, Fraternidade Espírita Amor e Caridade, Casa de Recuperação Novo Horizonte e Sociedade São Vicente de Paula.

“Expô Cajuru”

Na outra semana, entre os dias 10 e 13, acontece a 25ª “Expô Cajuru”, que neste ano contará com shows e rodeio à noite e uma feira à tarde, quando haverá exposição de maquinário agrícola, móveis, cachaça e muito mais.

— O objetivo é diversificar as atrações e criar a possibilidade do produtor rural fazer novos negócios, trocar experiências e conhecer o que há de mais moderno na área — ressalta o prefeito de Cajuru, Edson Vilela.

Eventos 

O prefeito adiantou ainda vários outros eventos que serão realizados no município, como a inauguração do Instituto Xaropinho, dia 31 próximo, a 3ª etapa do Campeonato Mineiro de Motocross (22, 23 e 24 de setembro), a 6ª “Feira Gastronômica” (23 de setembro) e a “Gincana da Independência” (8, 9 e 10 de setembro).            — Teremos muitas novidades ainda neste ano. Vários outros eventos estão sendo planejados — afirmou.

“Gramado mineiro”

Vilela esteve na sede do Agora, onde foi recebido pela diretora administrativa, Daniela Faria. Ele não esconde o entusiasmo com a gestão e falou sobre os diversos serviços que estão sendo realizados em Carmo do Cajuru.

— Todas as áreas têm recebido melhorias que vão desde a limpeza das ruas, operações tapa buraco, implantação de novos serviços na saúde, no desenvolvimento econômico, além investimentos na educação e cultura — revela.   

Arquiteto e urbanista, o prefeito faz questão de frisar que sonha em ver a cidade conhecida como a “Gramado de Minas” e garante: irá trabalhar duro para que isso aconteça. O primeiro passo será a construção de um portal na saída para Divinópolis. O objetivo é fomentar o turismo, embelezar e trazer diferencial ao Município, além de significar importante reforço na segurança.                    — Queremos plantar flores e embelezar nossa cidade. Começamos a retirada dos aguapés do rio Pará. O material irá para compostagem, onde se transformará em adubo. Temos muitos planos para o futuro de Carmo do Cajuru e várias ações estão sendo executadas. Estamos hoje em um novo tempo em nosso município — finaliza.

 

Comentários
×