“Mulher Destaque 2021”: Conheça as agraciadas

Realizado pela Bem Feminina em parceria com o Agora, premiação concederá menção honrosa a cinco mulheres que fizeram a diferença

Da Redação 

Tradicional no calendário de Divinópolis, o prêmio “Mulher Destaque” concede a empresárias e profissionais liberais da cidade a honraria pelos seus serviços prestados em seu segmento. Em 2021, a celebração da premiação, que já faz parte do calendário de eventos sociais de Divinópolis, não será realizada devido à pandemia do novo coronavírus. 

Para a diretora da Bem Feminina, Jessica Riegg, "também não consideramos justo, após um ano de tantas dificuldades, realizar uma votação para escolha de uma em detrimento das outras mulheres da mesma profissão. Para nós, todas as empresárias da cidade merecem o prêmio!"

Todas elas serão homenageadas através da tradicional entrega da menção honrosa do prêmio a cinco mulheres que se destacaram muito em Divinópolis e toda região Centro-Oeste neste último ano, em plena pandemia. Mulheres que se empenharam em transformar realidades nos mais diversos cenários. Neste ano, a premiação conta com o apoio do Jornal Agora, parceiro oficial da premiação e que celebra em junho, 50 anos, sob  direção da empresária Janiene Faria.

Confira abaixo o perfil das agraciadas. 

Comércio e serviços 

Com mais de 15 mil alunos formados e sonhos realizados, Graziela Bezerra comemora o número expressivo e vê como ajudou muitas pessoas a mudarem o rumo de sua vida. Formada em administração de empresas é franqueada do Instituto Embelleze há 11 anos. Casada com o dentista Alexandre, é mãe de 3 filhos e uma enteada, e se prepara para comemorar a chegada dos 40 anos em abril.

- Minha trajetória profissional sempre esteve voltada para os cursos. Quando o instituto surgiu na minha vida, fez uma transformação, pois naquele momento pude entender e ter oportunidade de mudar a vida de outras pessoas também, principalmente as mulheres. São muitas histórias e transformações de vida. O melhor de tudo é saber que pude contribuir para que as pessoas pudessem se empoderar e saber que conseguem alcançar os seus sonhos. 2020 foi um ano que me marcou, mas lutamos com todas as forças para manter a qualificação profissional em diversos horários e dias, para que nossos alunos não desistissem e tivessem sua formação e fonte de renda garantidas - enfatiza. 

Cultura e arte 

Aos 65 anos de idade, a cantora Tia Elza esbanja alegria por onde passa. Formada em técnico em contabilidade, Elza curte a aposentaria ao lado da família e espera o fim da pandemia para voltar aos palcos. Agraciada no segmento “Cultura e arte”, a cantora participou recentemente do reality show “The Voice +” (Rede Globo), uma oportunidade de mostrar seu trabalho e um novo desafio na carreira. 

- O The Voice foi um presente de Deus e um desafio ao mesmo tempo. Conviver com o profissionalismo da produção da emissora foi realmente de grande aprendizado na minha carreira. Infinitamente agradecida, e apesar de não ter conseguido chegar na final já valeu demais. Por mais que eu tenha sonhado ir mais longe na minha trajetória de cantora, não pensei que chegaria a participar de um programa dessa categoria. Sou muito agradecida à Deus por essa oportunidade - ressalta. 

Educação 

Há mais de 25 anos na Superintendência Regional de Ensino de Divinópolis, passando pelas áreas de gestão de pessoal, administração e finanças e assessoria de gabinete, Luíza Amélia Coimbra também foi secretária municipal de Educação de Córrego Danta, e em sua gestão alcançou o quinto melhor Ideb do País. Hoje, como superintendente regional, coordena a educação em 30 municípios e para 74 mil alunos.

Para Luiza, 2020 foi um ano extremamente desafiador, pois a pandemia a fez conduzir uma imensa rede pública de ensino, com 130 escolas estaduais, por um processo de adaptação das escolas às novas normas sanitárias, reinvenção de práticas pedagógicas, incorporação do uso de tecnologias ao ensino, busca pela manutenção de vínculos entre estudantes e o ambiente escolar, prevenção da evasão e do abandono. 

 - Apesar de tudo isso, me sinto gratificada pelos resultados alcançados, como o anúncio da construção de uma nova escola estadual em Nova Serrana, além da reconstrução da Escola Estadual Frei Anselmo - destaca a superintendente. 

Política e comunidade 

Aos 26 anos, Lohanna França carrega o título da mais jovem mulher eleita para a Câmara de Divinópolis e a vereadora mais votada na história do Município. Professora de inglês, Lohanna divide sua agenda entre o atendimento ao município e a educação. 

- O ensino remoto trouxe muitos desafios para os professores, é muito importante não romantizar à exaustão dessa classe que tem lutado para manter o ensino acontecendo, e agora posso lutar também por nossa classe de forma institucional. Como vereadora, o maior desafio é a exposição e a facilidade com que as pessoas nos desumanizam. Mas 90% do tempo estou muito feliz e realizada com a oportunidade de ajudar de verdade na construção de políticas públicas eficientes -conta Lohanna. 

Saúde 

Rosângela Guedes é a agraciada no segmento “Saúde”, representando todas as profissionais da categoria.  Formada em Medicina pela Universidade Federal de Juiz de Fora, possui residência médica em clínica médica e em Infectologia pela UFSJ, mestrado em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de São João Del Rei, e atualmente trabalha como médica coordenadora dos Serviços de Controle de Infecção Hospitalar do Complexo de Saúde São João de Deus e Hospital São Judas Tadeu, além da Prefeitura de Divinópolis. 

Aos 45 anos, é casada com o cirurgião Arilton Ferreira e tem dois filhos. Trabalhando na linha de frente do combate a covid-19, a médica acredita que a pandemia foi o maior desafio que viveu em sua profissão.

- Tivemos, em pouco tempo, que aprender a lidar com uma doença desconhecida, ajudar os serviços de saúde a se organizarem para preparar uma assistência adequada e lidar com um número crescente de pacientes graves. O maior desafio ainda está em lidar com o negacionismo de muitas pessoas que insistem em menosprezar a doença e o que precisa ser feito. Mas sabemos que isso vai passar, que tudo ficará bem...acreditamos e trabalhamos para isso sem cessar – enfatiza Rosângela. 





Comentários
×