“Epidemia Secreta” tem tema delicado

 

Jorge Guimarães

Após lançar o livro em Viena, Liechtenstein, Araxá, Belo Horizonte, Itajubá e São Paulo, chegou a vez de Divinópolis dialogar sobre um tema delicado, que a arte pode ajudar a compreender e combater. Assim, a noite da próxima quinta-feira será de autógrafos na Boutique do Livro com o lançamento, às 19h, do romance “Epidemia Secreta”, de Pedro Gontijo. O evento em Divinópolis contará também com a presença da psicóloga Ana Paula Rosário, além do escritor da obra.

— Pedro Gontijo ilumina, dá voz e coragem, neste romance ficcional baseado em fatos reais, ao expor o abuso sexual infantil, ao que, de forma magistral, dá o nome de Epidemia Secreta. Você, leitor, tem em mãos um romance investigativo, simples e claro, sobre um jornalista que, na busca por um emprego, depara-se com este desafio: esclarecer e mostrar ao público o que é a epidemia secreta, a mais longeva de todas as epidemias... E que só tem um remédio: a denúncia — define a psicóloga e autora do prefácio,  Beatriz Coutinho. 

Livros

Este é o segundo romance publicado do escritor mineiro, de Belo Horizonte, Pedro Gontijo. O primeiro, “Escotoma”, pela Editora Gulliver, foi lançado dentro da programação da Flip 2017 em Paraty-RJ, e bem recebido pela crítica literária. Ele ainda publicou um livro de poesias, “Curvaturas”, também pela Editora Gulliver, e outro de crônicas, “Alicismos”, em publicação independente; além de pequenos livros de bolso, contos, da série Literaturoterapia, publicação independente.

Escritor

Pedro Gontijo é jornalista formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), mestre em educação (Unicamp) e especialista em gestão da atenção à saúde (Hospital Sírio-Libanês). Foi assessor parlamentar na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) e secretário de Governo do município de Ubatuba-SP; além de ter atuado profissionalmente em instituições como Fiocruz, Instituto Paulo Freire e Service Civil International.

 

Comentários
×