‘Cria’ da escolinha do Flamengo assina o 1º contrato com o Galo

Meia atacante Cadu começou a treinar na escolinha do Rubronegro aos 9 anos de idade

José Carlos de Oliveira

A Escola de Futebol do Flamengo, de Divinópolis, é uma das mais conceituadas escolinhas de futebol do interior mineiro e até no Brasil, e não por raras vezes vê jovens que deram os primeiros passos em Mendes Mourão seguindo para grandes clubes de todo o País.

Nesta semana, mais um atleta criado no Rubronegro se firmou no cenário nacional, ao assinar seu primeiro contrato profissional, aos 16 anos de idade, e agora passa a ser mais um profissional do Clube Atlético Mineiro. 

Trata-se do garoto Carlos Eduardo Amaral Pereira de Castro, o Cadu, um meia atacante muito habilidoso, e de grande futuro, segundo os profissionais que trabalharam com ele na escolinha de Mendes Mourão.

Trajetória

Cadu deu os primeiros passos no futebol na escolinha do Flamengo, aos 9 anos de idade, em 2012, recomendado pelo técnico conhecido por Baba, e desde o início chamou a atenção pelo futebol de alta técnica e muita entrega em campo. 

Tendo como treinador Paulinho, durante 4 anos, e acompanhado de perto pelos ensinamentos do personal soocer profissional Marcelo Malta, Cadu já se destacava e era referência para os outros garotos em campo.

Na decisão do campeonato do Instituto Mineiro de Escolinhas de Futebol (IMEF) em 2017, no qual o Flamengo se sagrou campeão, Cadu chamou a atenção de vários observadores, acabando por acertar com o Atlético e se transferir para a Cidade do Galo. 

Nos últimos meses, com a pandemia da covid-19, Cadu mantinha a forma em Mendes Mourão, sempre acompanhado de perto pelos profissionais que trabalham na Escola de Futebol Flamengo.

 

Comentários
×